Segunda-feira, 20 de Setembro de 2010

AS ESCOLAS OFICIAIS. A RAIZ DA MAL

PUBLICADO NO 'PÚBLICO' NO DIA 19 DE sETEMBRO DE 2010:

 

 

A educação é uma das pedras angulares da nossa sobrevivência como nação. Por isso se fala dela durante todo o ano e provoca inúmeras discussões. Mas dela se fala, sobretudo, no início e fim de cada ano escolar. E em geral, pelas razões menos positivas.

A gestão da anterior ministra da educação foi a mais desastrosa de todas porque atacou, sem rebuço e sem tréguas, os principais agentes educativos – os professores, como se viu. A tese dela era de que a culpa do estado ruinoso e os maus resultados das escolas se deve, exclusivamente, aos professores. Nada mais errado.

Então, e os procedimentos do Ministério da Educação? Podemos dizer que é aqui que está a raiz do mal. É que o ministério imiscui-se demasiadamente nas escolas e não as deixa funcionar com normalidade – ‘deixem-nos ensinar!’ – gritavam os professores revoltados, nas mega-manifestações.

Vejam só, por comparação, como funciona o ensino particular que, pela sua completa normalidade, não causa alarme social. O ministério nunca se intrometeu nas escolas deste ensino. Nas escolas do ensino particular e cooperativo, há uma só preocupação que a anterior equipa do ministério, na prática, nunca pôs no rol das suas prioridades: o sucesso escolar dos alunos. Aqui, os professores e os alunos trabalham com motivação, estes estudam, são bem comportados nas aulas, há sucesso escolar. Não há burocracias, não há reuniões constantes, não há rivalidades entre os professores. Não há, por isso, o tumulto que houve nas escolas oficiais. Quem por lá andou ou anda sabe que é assim. E tudo porque o ministério não mete o bedelho nas escolas particulares porque, se metesse, como mete nas escolas oficias, seria um desastre.

O ministério quer boas estatísticas, o ensino particular quer bons resultados. O ministério ataca os professores, as escolas particulares dão prevalência à área turma. O ministério finge preocupar-se, exclusivamente, com a competência dos professores, as escolas particulares preocupam-se com os resultados dos alunos. É só essa a diferença, além de muitas outras. E tudo porque o governo socialista quer controlar as escolas oficiais e imprimir-lhes a marca da sua matriz ideológica.

*

publicado por argon às 17:19
link do post | comentar | favorito
|

.Argon

.pesquisar

 

.Maio 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. QUERO SER UMA TELEVISÃO

. O ANDARILHO VAGAMUNDO

. BODAS DE OURO MATRIMONIAI...

. A GUERRA MODERNA POR OUTR...

. DEUS, SUA VIDA, SUA OBRA

. UM CONTRASTE CIONTRASTANT...

. FALEMOS DE LIVROS

. TENHO UMA PALAVRA A DIZER

. AS CINQUENTA MEDIDAS - UM...

. O SÍTIO ATÉ ERA LINDO...

.arquivos

. Maio 2012

. Janeiro 2012

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

.favorito

. QUERO SER UMA TELEVISÃO

. O ANDARILHO VAGAMUNDO

. BODAS DE OURO MATRIMONIAI...

. A GUERRA MODERNA POR OUTR...

. DEUS, SUA VIDA, SUA OBRA

. UM CONTRASTE CIONTRASTANT...

. FALEMOS DE LIVROS

. TENHO UMA PALAVRA A DIZER

. AS CINQUENTA MEDIDAS - UM...

. O SÍTIO ATÉ ERA LINDO...

blogs SAPO

.subscrever feeds