Quarta-feira, 1 de Abril de 2009

A PROPÓSITO DE CADEIRAS PARA BÉBÉS

Hoje recebi um telefonema para dizer se podia ir buscar o meu neto, de dois anos e meio, ao Infantário. E fui. Quando cheguei ao Infantário, que dista 12 quilómetros para cada lado, reparei que não tinha levado a cadeirinha para o sentar no banco de trás. E pensei para comigo: não tenho volta a dar-lhe. Se a polícia me aparece, não tenho alternativa: tenho que pagar a mula.

Meti-o no banco de trás e apertei-o com o cinto, como se fosse um adulto. E não é que ele ficou preso, tal qual como um adulto? Com isto, quero dizer: que ideia passou pela cabeça de cabeças tão bem pensantes que obrigam uma criança a ir menos protegida do que um adulto? Por outras palavras: sendo que a criança vai com toda a segurança, com o cinto apertado, qual foi a intenção para obrigar os pais a usar uma cadeirinha? Não vejo outro motivo senão, a hipótese de haver alguém na família do inventor da ideia e daquelas luminárias que tinham interesses inconfessados na medida. Afinal, isto só vem beneficiar as emprsas construtoras de cadeiras. É mais um modo de sacar a massa aos pobres pais. Isto é um abuso que não se enquadra numa democracia, mas numa teocracia. Já repararam que nunca houve nenhum governo, desde D. Afonso Henriques, que vele tanto pela nossa santa saudinha como este? É o governo a fazer a apologia da sociedade de consumo. Já repararam porque é que nós somos uns pobretanas, os mais pobretanas da Europa? Mas com ares de novos-ricos!

A concluir, direi: vamos a supor que tinha aparecido a polícia. Com certeza seria multado. As multas são mesmo a doer! (Nos comboios da CP. quem viaje sem ilhete e for apanhado, paga a multa de 100 euros sobre o preço do bilhete!!!) E a pergunta que se põe é esta: teria sido multado porque havia o perigo de deixar fugir a criasnça do lugar do assento em que estava? Ela ia apertada com o cinto de segurança como vão os adultos! Sabemos que o bebé sentado na cadeira não vai mais seguro. Está provado que as autoridades o que pretendem é que os pais comprem a cadeira, mais nada! É um novo-riquismo, claro!

Assim vai este pobre e desmiolado país!!!

*

publicado por argon às 23:04
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.Argon

.pesquisar

 

.Maio 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. QUERO SER UMA TELEVISÃO

. O ANDARILHO VAGAMUNDO

. BODAS DE OURO MATRIMONIAI...

. A GUERRA MODERNA POR OUTR...

. DEUS, SUA VIDA, SUA OBRA

. UM CONTRASTE CIONTRASTANT...

. FALEMOS DE LIVROS

. TENHO UMA PALAVRA A DIZER

. AS CINQUENTA MEDIDAS - UM...

. O SÍTIO ATÉ ERA LINDO...

.arquivos

. Maio 2012

. Janeiro 2012

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Maio 2008

. Fevereiro 2008

.favorito

. QUERO SER UMA TELEVISÃO

. O ANDARILHO VAGAMUNDO

. BODAS DE OURO MATRIMONIAI...

. A GUERRA MODERNA POR OUTR...

. DEUS, SUA VIDA, SUA OBRA

. UM CONTRASTE CIONTRASTANT...

. FALEMOS DE LIVROS

. TENHO UMA PALAVRA A DIZER

. AS CINQUENTA MEDIDAS - UM...

. O SÍTIO ATÉ ERA LINDO...

blogs SAPO

.subscrever feeds